Multipessoal

Como acabar de uma vez por todas com o medo de falar em público



Como acabar de uma vez por todas com o medo de falar em público

Falar em público pode ser intimidante. E se, de repente, começar a gaguejar? Ou se por acaso se esquecer do que tem para dizer? Ou se não conseguir conquistar a atenção de quem o está a ouvir? Pensando bem, fazer uma apresentação em público pode ser mesmo muito intimidante e uma fonte imensa de stress! Mas também pode ser necessário, sobretudo em determinadas áreas profissionais e até mesmo em algumas entrevistas de emprego. Então, o que fazer? Ou melhor, como fazer? A boa notícia, para aqueles que não conseguem escapar a este tipo de desafio, é que há dicas capazes de ajudar, conselhos simples que ainda que não consigam transformar um introvertido no ‘rei’ dos palcos, são mesmo capazes de o fazer ultrapassar os receios de ser o centro das atenções.


A prática faz a perfeição - E tudo começa com os nervos, ou melhor, com a guerra que existe para os controlar. Para se conseguir a tão desejada calma, aquela que nos deixa ‘donos e senhores’ do nosso corpo, é preciso praticar. O ideal é simular a situação que o vai colocar na ribalta, treinar o discurso quantas vezes for preciso até o saber de trás para a frente, praticar em frente ao espelho ou perante uma audiência composta pela família e amigos. Depois, enquanto fala, tentar concertar-se na respiração, inspirar e expirar de forma controlada, sem atropelos do ar que entra ou sai.


Atenção às tempestades num copo de água - De um discurso bem-sucedido até pode depender uma promoção ou a conquista de um emprego. Mas se este não correr bem ou não tão bem como o desejado, daqui não vai resultar o fim da paz mundial, pois não? É preciso olhar para as coisas com a dimensão certa e não lhes dar uma importância superior à que têm. Nós sabemos que é sempre mais fácil falar, mas na verdade não há uma boa razão para ter medo, ainda que a racionalidade dificilmente tenha aqui lugar.


Conhecimento, o melhor amigo - Conheça bem as pessoas a quem se dirige, o que apreciam mais e menos, o que toleram e o que não aceitam, os seus gostos e desagrados. E conheça também muito bem aquilo de que vai falar. Tenha consciência dos seus pontos fortes e fracos, para evidenciar os primeiros e evitar os segundos.


O corpo também fala - A perceção que a audiência tem de si é algo muito importante. E isso passa pela imagem. Tenha cuidado na escolha do que vai vestir, adequando a sua roupa ao público que o vai ouvir. Mostre-se entusiasmado, calmo, confiante, orgulhoso mas não arrogante. Fale de uma forma pausada, pronunciando claramente todas as palavras e não tenha receio em usar a emoção, isto, claro, quando esta se justificar e em adequar o tom de voz às palavras proferidas. Fale com convicção, afinal, se não acreditar naquilo que está a dizer, quem o vai fazer? Estar em pé, andar de um lado para o outro ou movimentar-se é preferível a estar sentado a ler. É claro que pode dar uma olhadela aos apontamentos, mas estes não devem ser mais do que meros guias. Os gestos com as mãos e as expressões faciais são também permitidas, desde que com conta, peso e medida.


De olhos nos olhos - Mantenha o contacto visual com a sua audiência, olhe nos olhos do público (não mais do que alguns segundos), para que estes se sintam envolvidos e incluídos naquilo que está a dizer. E procure adaptar-se e ajustar-se às suas reações. Se estiver com pouco tempo, resuma o que puder, mas não fale a correr. Procure fazer algumas pausas, dando espaço às pessoas para refletirem sobre o que estão a ouvir. Não tenha receio em usar o humor, mas tenha cuidado ao fazê-lo. O ideal é tornar o seu discurso interessante, porque o tempo corre quando estamos a gostar do que fazemos ou ouvimos.

E se, apesar de tudo isto, continuar com dúvidas, sugerimos que assista a este vídeo protagonizado por Chris Anderson, o curador de TED, uma organização não lucrativa que tem uma missão: partilhar boas ideias através de palestras. Aqui, ele partilha o segredo de uma bem-sucedida apresentação em público.

Multipessoal Blog

Blog oficial do Grupo Multipessoal, o blog sobre carreira, recursos humanos e emprego que eleva a sua carreira e o seu potencial.

Sem comentários:

Enviar um comentário