Multipessoal

Ser produtivo e feliz ao mesmo tempo? Acredite, é mesmo possível!








Ser produtivo e feliz ao mesmo tempo?
Acredite, é mesmo possível!

 
Produtividade é um termo que as empresas gostam, transformado em objetivo e depois traduzido para números nas folhas de balanço e avaliações constantes. Mas já está mais do que provado, e aqui até a ciência até já deu o seu contributo, que produtividade e felicidade andam mesmo lado a lado. Ou deviam andar, já que a segunda faz a primeira aumentar. De acordo com um estudo recente, realizado por especialistas da universidade britânica de Warwick, os trabalhadores mais felizes são 12% mais produtivos. Já os infelizes, desses também reza a história, mas segundo as contas dos mesmos investigadores por serem 10% menos produtivos.


Mas há mais. Diz também quem já estudou o assunto que nas empresas onde os funcionários são mais felizes há menos situações de doença, depressões e até de esgotamentos, responsáveis, por sua vez, pelo absentismo laboral. Ora faltando menos, é também natural que se produza mais. A questão aqui é apenas uma: como? Como é que se pode então ser feliz e, logo, mais produtivo no local de trabalho?

A resposta não é fácil. Ou pelo menos não é fácil agradar a todos, manter os colaboradores contentes, até porque a insatisfação é uma das principais características do ser humano. E se é verdade que os empregadores, os gestores e os empresários têm um papel importante na garantia dessa felicidade, seja por meio de recompensas mais frequentes, pela oferta de mais facilidades na conciliação entre vida pessoal e profissional, de aumentos, mais dias de férias e por aí fora, também é um facto que qualquer um pode ajudar nesta tarefa de ser mais produtivo, sem perder de vista a felicidade no trabalho. E até nem é assim tão difícil.

Porque a vida é curta...
Há tanta coisa que nos pode irritar na nossa vida profissional. Mas em vez de se deixar levar pela negativa, que tal olhar para aquilo que a vida lhe deu de bom e ficar grato por isso? E por mais que seja tentador pensar que ‘com o mal dos outros podemos nós bem’, a verdade é que há sempre alguém, algures, que está bem pior que nós. E já agora, tente pensar pela positiva. De nada vale antecipar o pior quando se encontrar perante um desafio ao qual parece impossível dar resposta. O melhor é arregaçar as mangas e ir à luta.

Organizados e preparados
Programar é a palavra-chave quando se trata de encarar um dia de trabalho. Esta é a melhor forma de garantir que as coisas correm pelo melhor, o que, por sua vez, resulta num dia mais calmo. Claro que os imprevistos acontecem e esses ninguém pode controlar, mas num dia desorganizado, os percalços são ainda mais difíceis de enfrentar.

Arejar quando possível
A hora do almoço é sagrada. O que significa que não deve ser passada à frente do computador, até porque esta é uma forma de acabar por comer mais. Procure sair, apanhar ar e, nos dias mais quentes, aproveite para fazer uma refeição ao ar livre, que aumenta os níveis de felicidade, melhora a memória e eleva os níveis de atenção. Importante é também fazer intervalos, por mais curtos que possam ser, já que até as mais pequenas pausas são motores para reforçar a capacidade de concentração. O cérebro agradece! A tudo isto junta-se ainda uma forma simples de tornar os seus dias mais felizes: ter uma planta no espaço onde trabalha. Um conselho confirmado pela ciência, que garante que quem tem verde à sua volta é mais feliz no trabalho.

Multipessoal Blog

Blog oficial do Grupo Multipessoal, o blog sobre carreira, recursos humanos e emprego que eleva a sua carreira e o seu potencial.

Sem comentários:

Enviar um comentário